Visão Geral do QlikView

De Qknow
Ir para: navegação, pesquisa

Introdução

O QlikView é uma solução da categoria de Business Discovery que atua na coleta, consolidação, análise e apresentação de dados para tomada de decisões, independente do tipo de negócio em que atue o cliente. Pode ser amplamente utilizado para segmentos bancários, medicina, telecom, TI, abastacimento, governo e dezenas de outros segmentos. Esta ferramenta é produzida e comercializada pela Qlik, uma empresa com presença em mais de 100 países, com mais de 25.000 clientes atendidas. Fundada com base no conceito de que BI deve ajudar aos usuários finais nas tomadas de decisão e, por 20 anos, busca inovar a forma como as soluções desta categoria de software são entregues aos clientes.

A plataforma permite que qualquer usuário, iniciante ou experiente, faça a extração, coleta, análise e disponibilização de informações de diferentes fontes, incluindo SQL Server, Oracle, XML, planilhas eletrônicas (como do Microsoft Excel) ou arquivos texto. Também é viável ligar-se facilmente a soluções SAP, INFORMÁTICA e usar outros produtos da instituição como origem de suas fontes de dados. Múltiplas origens são rapidamente reunidas em memória a partir de simples instruções, permitindo uma análise que vai além das fronteiras de um único sistema ou repositório de dados.

Uma vez com dados lidos e carregados, as informações são apresentadas de maneira intuitiva e com interface gráfica rica em opções, embora mantendo enorme facilidade de uso e implementação. Para começar a trabalhar com o QlikView não é necessário um conhecimento prévio complexo, especialmente no que tange a conectividade com bases de dados. Assistentes diversos auxiliam o mais simples usuário a obter dados dos repositórios que deseja acessar e analisar. Já na Interface de criação, as escolhas por filtros e agregações são realizadas por meio de simples clicks e operações de arrastar e soltar (drag and drop no modo Web).

A principal diferença do QlikView para as demais ferramentas de BI do segmento está no fato de trabalhar em um modelo associativo de informações, enquanto o padrão tradicional trabalha em um modelo hierarquico (top-down) relacional. O modelo associativo significa que ao escolher o valor em qualquer que seja o dado carregado, imediatamente todos os valores associados, seja de que fonte for, são automaticamente selecionados. Além disso, todo projeto QlikView nasce como um portal de Internet/Intranet, o que habilita aos usuários uma simples navegação por qualquer dispositivo compatível com HTML 5.0, incluindo telefones, computadores e tablets. Possui ainda recursos colaborativos que permite reunir diversos participantes que interagem com os dados dos painéis publicados pela Internet, semelhante ao que ocorre em conferências Web, por exemplo. Os filtros aplicados pelo apresentador são imediatamente refletidos para todos os participantes e vice-versa.

Modelo Associativo - v1.0.jpg

Pilares do QlikView

É possível afirmar que o QlikView é baseado em alguns conceitos fundamentais:

  • Experiência Associativa
  • Rápido Desenvolvimento
  • Mobilidade (Dispositivos Móveis)
  • Recursos Colaborativos
  • Processamento In-Memory
  Nota: O QlikView, como qualquer outra ferramenta de análise de dados, não opera "milagres" sobre informações
        ruins. Portanto, a estruturação dos dados (e a qualidade das informações) deve ocorrer antes da confecção de
        relatórios estratégicos pela ferramenta. Claro que a própria ferramenta pode ser usada para análise da
        qualidade das informações, com dashboards específicos para isso.

A experiência associativa corresponde a capacidade da ferramenta em percorrer, dinamicamente, todos os dados carregados em memória em reação a uma seleção do usuário. Por dispensar a criação de um data warehouse, o ciclo de elaboração de um painel é bastante reduzido, concentrando em resolver questões de negócio e não de tecnologia. BI para pessoas que precisam dedicir!

Em um mundo globalizado e conectado, ter acesso as informações críticas a partir de qualquer local é fundamental. Por isso, qualquer painel elaborado em QlikView é um portal Web acessível a partir de qualquer dispositivo compatível com HTML 5.0, seja este um computador, celular ou ipad. Portanto, de qualquer lugar o usuário de negócio pode ter acesso aos painéis de decisão sem que tenha qualquer software previamente instalado. Com esta tecnologia, o tomador de decisões é capaz de compartilhar suas análises por meio de conferências pela Internet, onde os participantes recebem um link para acesso ao mesmo painel, com interação entre todos os convidados.

Toda esta facilidade só pode ser alcançada mediante um recurso de alto desempenho e, por isso, o QlikView utiliza o modelo in-memory para hospedar os dados e a interface gráfica do painel. Com isso, nenhum acesso a dispositivos de armazenamento é necessário após os dados serem carregados. É na memória que o QlikView calcula, recalcula e apresenta as análises solicitadas pelo usuário tomador de decisões.

Versões e Edições

A plataforma QlikView está disponível para equipamentos Desktop e Servidores dependendo das necessidades de cada cliente. A elaboração de um dashboard pode ser (e geralmente é) realizada através de uma versão Desktop instalada em um sistema operacional Microsoft Windows.

 Nota: O QlikView não possui instaladores para ambiente Linux ou Mac OS. No entanto, os usuários destes
       sistemas operacionais podem fazer uso dos painéis por meio de acesso Web (protocolo HTTP).

Na edição Desktop, o QlikView oferece uma grande variedade de componentes visuais para preparação de dashboards, centrais de operação, relatórios estatísticos, agregações e outros conjuntos complexos de representações gráficas para análise de dados, sem que seja necessário profundo conhecimento em BI ou bancos de dados. Para uma experiência razoável com o QlikView, qualquer usuário conectado a Internet pode acessar o site do fabricante e ter acesso a uma versão pessoal, para uso individual, sem que tenha que pagar qualquer valor por isso. Alternativamente, o download do software pode ser realizado acessando o site da distribuidora TOCCATO, no endereço http://www.toccato.com.br/download.

Client Edition (Front-End)

Esta edição do software permite que qualquer usuário desenvolva complexos painéis de tomada de decisões sem nenhuma limitação frente a uma versão licenciada no quesito funcionalidades. Na realidade, os limites de uso desta edição estão associados à portabilidade dos painéis e dashboards desenvolvidos para outros equipamentos e usuários. Cada projeto em QlikView é assinado internamente com os dados do usuário/computador em que foi elaborado, impedindo que seja distribuído para outros equipamentos sem o devido licenciamento. Ou seja, a limitação da Personal Edition está no fato de não permitir a distribuição dos projetos criados, mas habilita qualquer usuário a criar suas análises sem custo adicional.

A vantagem do uso desta edição é que para torná-la uma versão licenciada basta adquirir o número de licenças desejado. Nenhuma atualização se faz necessária para que o software funcione com todas as suas capacidades de distribuição dos projetos. Apenas o licenciamento separa a versão Personal Edition da versão denominada Desktop.

Uma vez licenciada, uma versão Personal torna-se automaticamente uma edição Desktop, capaz de distribuir os projetos criados para outros usuários também licenciados. Para ambas edições existem instaladores 32 e 64 bits, dependendo do sistema operacional Windows em uso.

  Nota: As versões Personal e Desktop operam somente sob plataforma Windows. Não há versão disponível para outras
        plataformas, como Linux ou Mac OS.

Apesar da construção exclusiva de painéis em ambiente Microsoft Windows, o acesso aos dashboards poderá ser realizado por qualquer usuário através de um Navegador de Internet (WEB Browser). Ou seja, todas as funcionalidades dos complexos painéis são acessíveis a partir de um browser de qualquer plataforma, incluindo, mas não limitando ao Internet Explorer, Google Chrome, FireFox e outros, independente do sistema operacional do cliente.

  Obs.: Para a construção de painéis são utilizadas as edições Personal e/ou Desktop. A visualização pode ocorrer
        por qualquer navegador compatível com HTML 5.0.

Server Edition (Back-End)

Outras edições do QlikView estão disponíveis com diferentes finalidades. Além da versão Desktop (ou Personal Edition), as seguintes versões estão disponíveis:

  Nota: Painéis criados em QlikView (Personal/Desktop) são tipicamente chamados de documentos ou arquivos QVW (QlikView Workbook).
  • QlikView Server: Utilizado para centralizar os projetos criados com as edições Personal ou Desktop. Mantém em um único repositório todos os arquivos QVW gerados pelas versões cliente. Além disso, mantém o engine que realiza as operações in-memory e trata todas as requisições client/server entre servidor e cliente, como filtros, seleções, agregações, etc. Inclui também um console de gerenciamento de ambiente chamado QlickView Management Console. Com este console é possível configurar aspectos de segurança, clustering e distribuição, na versão Enterprise. Também na Enterprise o QlikView Server inclui um WEB SERVER que fornece um único ponto de acesso aos usuários aos painéis criados em QlikView. A esse único ponto de acesso é atribuído o nome de Access Point.
  • QlikView Publisher: Trata-se de um produto da linha servidor que executa basicamente duas funções principais: (1) - É utilizado para gerenciar as cargas dos dados diretamente a partir das fontes de dados via string de conexão configurada nos arquivos QVW. (2) - Usado como um serviço de distribuição de dados, na medida em que controla aspectos de segurança às informações como privilégios, usuários e permissões. Com o Publisher Server é possível ainda determinar quais servidores receberão dados e, eventualmente, publicar relatórios em formato PDF com envio por e-mail automaticamente a partir de um critério estabelecido.
  Obs.: É possível utilizar o Microsoft IIS como WEB Server dos documentos criados pelo QlikView (QVW Documents). 
        Para acesso as bases de dados é possível a utilização de ODBC ou OLEDB, além de XML, arquivos do Microsoft Excel
        ou acesso a sistema como SAP NetWeaver, Salesforce e Informatica.

A edição QlikView Server é dividida em Enterprise Server e Small Business. A seguir são destacadas as diferenças entre as duas edições:

Small Business

  • Conectividade dos usuários por meio de HTML 5.0 com serviço Web próprio.
  • Número virtualmente ilimitado de projetos (painéis/dashboards) carregados.
  • Autenticação via serviço de diretórios da Microsoft (Active Directory).
  • Aluguel de licenças para usuários off-line (com licenças apropriadas).
  • Colaboração. Ou seja, sessão colaborativa com múltiplos interessados ao mesmo tempo.
  • Servidor de teste (opcional) e conexões com SAP NetWeaver (licenças adquiridas separadamente).
  • Até 120 usuários licenciados (20 NAMED e 100 DOCUMENTS).
  • Controle de acesso via NTFS (sistema de partição de disco no SO Windows).

Enterprise

  • Todos os itens permitidos na versão Small Business.
  • Número ilimitado de usuários licenciados.
  • Permite integração com Active Directory e LDAP para fins de autenticação.
  • Permite configuração de balanceamento de carga e redundância (quando adquirido).
  • Pode ser incorporado ao SharePoint Server da Microsoft.
  • Integração com Visual Studio para desenvolvimento de aplicações personalizadas.
  • Usuários anônimos, desde que licenciados via Session Cal.
  • Controle de acesso interno (DMS - Document Metadata Service).

A edição Enterprise pode ser licenciada de diferentes formas, incluindo Extranet Server e Internet Server, além da própria configuração Enterprise. Ou seja, dependendo do tipo de licença de servidor adquirida, o comportamento poderá ser ligeiramente diferente. Por exemplo, a versão IAS (Internet Access Server) não limita o número de usuário simultâneos. Ou seja, é ilimitado. Porém, não é capaz de autenticar usuários, por isso sua destinação é para uso na Internet. Já o Extranet Server é geralmente configurado para empresas conglomeradas que necessitam expor parte dos dados a outras companhias do mesmo grupo, configurando então uma "extranet".


Download


Assuntos Relacionados


Envelope01.jpg
Procurando Algo? Fale Conosco!



Voltar | Página Principal | Topo